top of page
  • Foto do escritorGibran Numeh

O que fazer para diminuir a ansiedade no dia a dia?


diminuir a ansiedade


Quem convive com pensamentos ansiosos sabe como eles podem prejudicar seriamente o bem-estar diário, tornando as atividades cotidianas mais penosas e gerando uma grande dificuldade de ficar no presente devido às preocupações constantes com o futuro.


Nesses momentos, surge a dúvida: é possível controlar a ansiedade para que ela não atrapalhe tanto assim a minha rotina?


A resposta é sim e, neste artigo, você irá conferir algumas dicas interessantes que contribuem com esse objetivo.


Contudo, vale ressaltar, antes de qualquer coisa, um ponto importante: caso você esteja suspeitando que possui o chamado Transtorno de Ansiedade Generalizada ou a Síndrome do Pânico, é essencial buscar ajuda especializada, pois pode ser necessária a administração de alguns medicamentos e a realização de um tratamento mais específico para essas condições.


5 orientações para diminuir a ansiedade


De forma geral, os pensamentos ansiosos são gerados por um foco excessivo naquilo que foge do nosso controle, sobretudo no que está por vir.


Portanto, uma das melhores formas de combatê-los é focando em atividades que tragam a mente para o momento presente. Entre elas, é válido testar:



diminuir a ansiedade


1. Meditação: a ideia é tirar nem que seja de 10 a 15 minutos pela manhã ou à noite para ficar em uma posição confortável, fechar os olhos, aquietar a mente e observar com curiosidade os sentimentos que aparecem, analisando-os com calma e entendendo o que eles dizem sobre você. Outra sugestão interessante é tentar focar em tudo aquilo de bom que existe na sua vida e pelo qual você se sente grato(a).



diminuir a ansiedade


2. Exercícios físicos: essenciais não só para permitir que você se concentre no aqui e agora, mas também para liberar hormônios do bem-estar, como a endorfina, que ajudam a aumentar a calma, a concentração e o bem-estar físico e emocional.



diminuir a ansiedade


3. Treinos com a respiração: colocar a mão no peito ou na barriga, avaliar como estão os seus ciclos de inspiração e expiração e tentar encontrar um ritmo que seja mais tranquilo e equilibrado é algo excelente para controlar e prevenir crises, principalmente quando elas estão se tornando mais frequentes.



diminuir a ansiedade


4. Socialização com pessoas queridas: a companhia de familiares e amigos pode ser um ótimo antídoto para momentos nos quais você está sentindo uma angústia maior, seja para desabafar sobre o que você está sentindo, seja para simplesmente distrair a cabeça com atividades que você gosta.



diminuir a ansiedade


5. Sono de qualidade: por fim, não se esqueça que uma noite bem dormida é o primeiro passo para começar um dia positivo e produtivo, já que o nosso corpo e a nossa mente pedem descanso constante. Antes de se deitar, procure fazer um ritual noturno, diminuindo as luzes, ficando longe das telas e fazendo tudo aquilo que ajuda você a relaxar e a desacelerar a cabeça.


Com cuidado e paciência, é possível construir uma relação diferente com a ansiedade e uma rotina na qual ela não se faça presente além do que seria necessário.


33 visualizações0 comentário

Commenti


bottom of page